Na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma.

quarta-feira, 20 de julho de 2011

BENEFÍCIOS E USOS - FUCUS VESICULOSUS





O que é Fucus Vesiculosus ?


O fucus vesiculosus é uma alga marinha encontrada nas costas do Mar do Norte, Mar Báltico e Oceanos Atlântico e Pacífico. O fucus era fonte original de iodo, descoberto em 1811, e usado extensivamente para tratar bócio, um inchaço na glândula tireóide relacionado à deficiência de iodo. A partir de 1860 foi defendido que o fucus era um estimulante de tireóide e poderia combater a obesidade ao elevar a taxa metabólica. Desde então, o fucus vem sendo parte de várias fórmulas e remédios para emagrecer.
Fucus vesiculosus também conhecida como bodelha (Phaeophyta) é um tipo de alga castanha pertencente a um grupo de algas multicelulares, fundamentalmente marinhas, e a sua cor deriva do pigmento fucoxantina. Em relação á sua morfologia, apresenta-se como um talo plano e ramificado dicotomicamente, com pequenas dilatações cheias de ar – os aerocistos- que asseguram a flutuação do talo. Na época de reprodução, a extremidade de certos talos fica intumescida. É nessas extremidades férteis, crivadas de orifícios minúsculos, que se produzem uma geléia de coloração alaranjada ou verde-escura, conforme o sexo é, respectivamente, masculino ou feminino.

Consumo do Fucus Vesiculosus


O fucus é um alimento comum no Japão e usado como aditivo alimentar e aromatizante em vários alimentos na Europa. É utilizada no tratamento da obesidade relacionada ao hipotireoidismo, devido ao seu significativo teor de iodo, essencial à síntese de hormônio pela tiróide. A presença de fibras mucilaginosas estimula o funcionamento intestinal. Exibe, também, moderada ação diurética.  Fucus também é comumente encontrado como componente de suplementos alimentares. 



DESCRIÇÃO: Fucus vesiculosus é uma alga do gênero feofícea, do grupo laminariáceas, que são colhidas na maré baixa e deixadas secas ao sol. São algas microscópicas que, quando rehidratadas, aumentam o seu tamanho em até 10 vezes, sendo esta propriedade muito explorada com fins terapêuticos com agente dilatador de canais e trajetos fistulosos. O fucus vesiculosus atua como estimulante da glândula tireóide, sendo indicado para o tratamento da obesidade e hipotireoidismo. Estas propriedades devem-se ao alto poder de fixação do iodo do mar por estas algas. 


INDICAÇÃO: Chá de fucus Anti-celulite, bulimia, gorduras localizadas, auxilia a elasticidade da pele, reguladora do intestino, antiácida, levemente diurética, regula menstruações e fortifica o útero, acelera o metabolismo celular, disfunções da tireóide, vesícula e obesidade. Fucus também tem reputação de aliviar reumatismo e azia. 

Composição do fucus vesiculosus
Os principais elementos contidos no fucus incluem mucilagem, manitol, beta-caroteno, iodo, zeaxantina, bromo, óleos voláteis, potássio e vários outros minerais. O principal uso do fucus na medicina herbal é como fonte de iodo, um nutriente essencial para a glândula tiroide.



Contra-indicações: 
O fucus não deve ser usado em casos de hipertiroidismo, problemas cardíacos ou durante a gravidez e amamentação. Doses excessivas de fucus podem ocasionar hipertiroidismo, tremor, elevação da pulsação e da pressão sanguínea. Convém lembrar que pessoas alérgicas ao iodo não devem consumir esta alga. 

Observação importante: Qualquer uso terapêutico deve sempre ser acompanhado por um médico.

6 comentários:

  1. eu comprei hoje no Intermarché, e também já vi no Jumbo.. ou seja, encontra facilmente nos supermercados..

    ResponderExcluir
  2. voces vendem via internet ou só pessoalmente?

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Vendemos 50 g, 1,10 euros.
    tel.934030711

    ResponderExcluir